146 festivais de música em Portugal, em 2014

22/09/2014

Até ao final de 2014, ocorrerão em Portugal um total de 146 festivais de música, o que significa um aumento de 14% em relação ao ocorrido no mesmo período, no ano anterior, segundo análise do Talkfest.

 

A título de curiosidade:

  • 109 dos festivais que aconteceram em 2013, ocorrem também em 2014 (e.g. Fusing, Ilha dos Sons, Meo Sudoeste, Milhões de Festa, Nos/Optimus Alive, SWR Barroselas Metal Fest);

  • Ocorreram 2 cancelamentos depois de confirmados (Echoes Progressive Rock Festival e Festival de Música Alternativa de Bragança);

  • 20 festivais que aconteceram em 2013 não tiveram continuação este ano (e.g. Portugal ao Vivo, Roxo Summer Fest, Fábrica Music Fest, Festival do Ar, Ponte Party People);

  • 23 festivais têm naming sponsor (e.g., Moche Ponta Delgada Fest, EDP Cooljazz, Sumol Summer Fest, Nos Madeira Summer Opening);

  • Acontecem 24 novos festivais, com 1ªedição (e.g. O Sol da Caparica, Reverence, NOS em Palco, Mazefest);

  • 3 festivais como regressos (Vilar de Mouros, Carviçais Rock, Sons do Atlântico);

  • 12 festivais, decorreram em Portugal Continental e ilhas, entre os dias 11 e 16 agosto (e.g. Bons Sons, O sol da Caparica, Fusing). Número recorde de festivais numa só semana;  

  • 3 festivais conseguiram mais de 30.000 espetadores diários (segundo lotação do recinto);

  • 29 festivais em Lisboa (e.g. Rock in Rio, Vodafone Mexefest) e 12 festivais no Porto (e.g. Nos em D’Bandada, Noites Ritual) são as cidades com mais “música”;

  • No Reino Unido, acontecem no mesmo período, mais de 800 festivais de música, perante uma população de quase 62 milhões de habitantes e onde o ordenado mínimo é quase três vezes superior ao nosso país.

 

 

Com isto verificamos que o papel da APORFEST – Associação Portuguesa Festivais de Música, recém-criada, faz todo o sentido na atualidade portuguesa. Fala-se de crise, atravessámos um ano sem eleições políticas e o número de festivais cresceu, assim como o número de espectadores, na grande maioria dos mesmos. Pretendemos enquanto APORFEST, representar de modo eficiente esta área, interligando todos os seus stakeholders e dotando os festivais de condições, estruturas, recursos humanos eficientes que possam suportar a concorrência externa e garantir novos públicos para o nosso país.

 

Este ano será, ainda, realizada a 2ª edição do estudo “Perfil do festivaleiro português e ambiente social nos festivais”, pelo Talkfest (ver resultados da 1ª edição). A partir de outubro, após a grande vaga de festivais, este estará disponível para resposta, tendo-se incluido novos itens para análise de quem é o festivaleiro português e quais as suas preferências.

 

NOTA: Toda a lista de festivais de música em Portugal, disponível para as categorias de associados APORFEST: Profissional e Empresa/ Festival.

 

 

Please reload

Notícias em destaque

TALKFEST'20 | Quarta vaga de oradores; Falta uma semana para o fim das candidaturas aos Iberian Festival Awards

November 13, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload