A Reverência do Rock Psicadélico em Valada, por Nick Allport

Flickr - Nick Allport  – PROMOTOR REVERENCE VALADA

NICK ALLPORT – PROMOTOR REVERENCE VALADA


Valada encontra-se a 60 km de Lisboa, 8 do Cartaxo. O Reverence encerrou a época de festivais de verão em 2014, com 17 horas de música diária e a cativar a atenção do público português. Nick Allport falou com a Aporfest sobre o seu percurso e a primeira edição do festival que se repete em 2015.



Tiago Fortuna – Aporfest (A): O que pode trazer o Reverence Valada ao Cartaxo que as Cartaxo Sessions não trazem?


Nick Allport (NA): As Cartaxo Sessions ajudaram a concretizar o festival, mas o Reverence consegue chegar mais longe e trazer mais pessoas de todo o Mundo. É uma oportunidade para nós de termos um grande conjunto de grandes bandas, todas no mesmo lugar à mesma hora.


(A): O festival acontece numa parceria entre as Cartaxo Sessions e a Câmara Municipal do Cartaxo. De que forma foi a Câmara Municipal do Cartaxo fundamental para o Reverence?


(NA):A Câmara permitiu-nos fazer o festival, o que é fundamental para um evento como este. Providenciaram-nos suporte essencial em infra estruturas e ajudaram-nos em questões como as permissões para usar o campismo, limpar as várias áreas do recinto e a reunir todas as condições e meios para garantir que o festival decorria tranquilamente (como os Bombeiros voluntários e a GNR). Sem eles o festival não teria acontecido.


(A): Conhecendo a realidade do Reino Unido, sabe dizer-nos que tipo de apoio é dado pelos municípios aos festivais? É diferente da realidade portuguesa?


(NA): No Reino Unido só organizei pequenos concertos, nunca um festival, por isso não estou propriamente qualificado para responder a esta questão. Acho que de forma geral é mais fácil organizar um festival em Portugal, o país parece-me muito mais aberto a este tipo de eventos.


(A): Creio que foi a muitos festivais no Reino Unido. E em Portugal? Tem experiência na nossa oferta de festivais de música?


(NA): Estive duas vezes no Milhões de Festa e uma no Alive, não tenho muita experiência. Adoro o Milhõ