Festival da semana #3 - Som Riscado

30/03/2016

"Um festival que arrisca no som" é assim que se auto-denomina a organização do festival.

 

Concertos, performances artísticas, formação, debate, instalações artísticas e atividades interdisciplinares para as crianças e famílias como secções centrais da 1ª edição que decorrerá em vários espaços do Município de Loulé de 31 de março a 3 de abril. Holy Nothing, Sampladélicos e Sensible Soccers são algumas das atuações confirmadas num evento que cruzará imagem e som.

Pretende-se então fomentar ligações e diálogos criativos entre a nova música portuguesa de cariz experimental (minimal, psicadélica, eletrónica) e o(s) universo(s) da imagem e das artes visuais (desenho, pintura, fotografia, cinema, graffiti, arte digital/imagem animada, design e outros), juntando, nos formatos apresentados, artistas plásticos/visuais e outros criativos do concelho de Loulé e da região (entre emergentes e reconhecidos) com projetos musicais já firmados no panorama nacional. O Cine-Teatro Louletano é o epicentro.


Tendo o Cine-Teatro Louletano como epicentro, o SOM RISCADO envolve vários espaços da cidade nas suas atividades, bem como diversos parceiros institucionais do concelho e da região que têm desenvolvido uma dinâmica assinalável na temática em que o festival se centra: Universidade do Algarve (Escola Superior de Educação e Comunicação, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais e Centro de Investigação em Artes e Comunicação [CIAC]), ETIC_Algarve, Instituto Superior Dom Afonso III (INUAF), Agrupamento de Escolas Dr.ª Laura Ayres (Quarteira), Casa da Cultura de Loulé e Studio 43.

 

 

Local: Município de Loulé

Concertos (principais):

Bilhetes: 5-8€ diário / 10-15€ passe

Site: bit.ly/1RpI7YQ

Please reload

Notícias em destaque

Intercâmbio Formativo e Cultural Portugal-Brasil - O Futuro próximo. Cursos e Masterclasses

July 7, 2020

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload