Artigo Científico: Gestão de resíduos em eventos ao ar livre

30/06/2016

Em festivais ao ar livre, as consequências ambientais produzidas são cada vez mais uma preocupação por parte da organização do festival e dos seus stakeholders. Algumas dessas consequências ambientais causadas pelos festivais são a acumulação de lixos e os danos causados à vegetação e aos habitats do local onde o evento ocorre.

 Créditos: Carlos Guijarro (Outjazz 2016)

 

Atualmente, como indicador da evolução na gestão de resíduos, os festivais utilizam as quantidades de lixo total produzido, contudo esta não é a forma mais correta de o fazer, sendo este um dos objetivos primários deste estudo, informar e explicar qual a melhor forma de chegar a valores corretos e que realmente refletem a gestão de resíduos de um determinado festival. Para chegar a conclusões foram analisados três dos principais festivais da Alemanha (Wacken Open Air, Fusion Festival, Rheinkultur Festival) sendo estudada a gestão de resíduos de cada um, começando por calcular o lixo produzido em média por cada festivaleiro em diferentes zonas e fases do festival. Várias conclusões podem ser tiradas deste estudo, como por exemplo as formas de melhorar a gestão de resíduos de eventos ao ar livre e formas de calcular corretamente o impacto ambiental do festival.

 

Palavras-chave: Gestão de eventos, Gestão ambiental, Festival, Lixo, Indicador de performance operacional, Resíduos

 

A.Cierjacks et al. (2011). Operational performance indicators for litter management at festivals in semi-natural landscapes. Ecological Indicators, 13 (2012). Pp 328–337

 

* artigos científico disponivel aos associdos (qualquer modalidade)

 

Please reload

Notícias em destaque

TALKFEST'20 | Quarta vaga de oradores; Falta uma semana para o fim das candidaturas aos Iberian Festival Awards

November 13, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload