VILA, o festival da juventude no concelho mais jovem do país. Entrevista: Ana Gouveia (presidente ACML)

25/08/2016

Acontece já nos próximos dias 16 e 17 de Setembro, a 10ª edição do Festival VILA, especialmente dedicado para os jovens e estudantes do concelho mais jovem do país, Lousada. Estivemos à conversa com Ana Gouveia, Presidente da direção da Associação de Cultura Música de Lousada.

 

APORFEST - Vem aí mais uma edição do Festival VILA - Festival da Juventude de Lousada. O que podemos esperar para a edição de 2016?

Ana Gouveia - O VILA é um festival que está de volta ao Complexo Desportivo de Lousada, nos dias 16 e 17 de Setembro. Pode-se esperar muita música para miúdos e graúdos, embora com um enfoque especial no público jovem. Prometemos não desiludir e ir ao encontro das expectativas de todos. Lousada vai poder então contar com as melhores noites de música do ano que garantem ecletismo musical para que assim possam abranger todos os gostos e não deixar ninguém de fora desta grande festa. Os pontos que destacamos este ano são mesmo os grandes nomes do cartaz: Regula, Jimmy P, Karetus, Octa Push, DJ Glue ou PAUS. Para além destes grandes nomes que acabam destacados no meio dos outros, destacamos ainda os djs que vão animar o resto das noites após os concertos. Vai ser no fundo uma grande festa e temos a certeza que ninguém aqui em Lousada, e não só, vai querer ficar de fora. 

 

De que forma se insere o Festival VILA no município de Lousada?

O Festival existe há 10 anos e pretendemos dar continuidade a este evento que tem como público-alvo, sobretudo, os mais jovens. Como Lousada é o concelho mais jovem do país este festival assume-se como algo extremamente importante. Em primeiro lugar pretende-se oferecer aos jovens de Lousada e a todos os que nos visitam um Festival que seja do seu agrado, com artistas que apreciam a que se junta a animação, bem como um espaço destinado à restauração, próprias destes eventos. Desta forma é possível ter tudo o que necessitam dentro de um mesmo local. Se por um lado nos interessa a satisfação da juventude que vai assistir ao Festival, interessa também a promoção da economia local.

 

Como surgiu a possibilidade e de que forma está a ACML ligada ao festival VILA?

A organização surge no seguimento de um convite feito pela autarquia de Lousada para que fosse a Associação de cultura Musical de Lousada a promover o evento. O Festival da Juventude de Lousada pretende ser um ponto de encontro dos jovens e a Associação de Cultura Municipal de Lousada associa-se a este projeto com imenso gosto, pois a música é o seu objeto de atividade. Desta forma damos uma resposta diferenciada a nível musical e cultural aos mais jovens e a todos os que pretendam assistir ao evento. A organização deste Festival pode ser vista como um elemento agregador e complementar das atividades que habitualmente promovemos.

 

Como foi feita a elaboração do cartaz e qual o critério utilizado?

O cartaz teve a colaboração da APORFEST, da Câmara Municipal e da Associação de Cultura Musical de Lousada, tendo como principal finalidade equilibrar a boa música com o orçamento disponível. É um cartaz de elevada qualidade artística, onde músicos como Jimmy P, Regula, Karetus, Cristian Sake, entre outros vão apresentar os seus trabalhos. Mas é também importante o facto de existir um tempo e espaço dedicado aos músicos e dj´s locais que vão ter a oportunidade de divulgar o que fazem no meio artístico.

 

Em que ponto a Aporfest, estando envolvida no festival, poderá permitir o seu crescimento?

Sendo a Aporfest, uma entidade especializada nesta área, com uma vasta experiência em festivais nacionais e internacionais, torna-se um parceiro fundamental na organização deste festival.

Please reload

Notícias em destaque

TALKFEST'20 | Quarta vaga de oradores; Falta uma semana para o fim das candidaturas aos Iberian Festival Awards

November 13, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload