Artigo Científico: O impacto da internet e das novas tecnologias na criação e produção musical portuguesa

01/09/2016

A dissertação académica desta semana teve como objetivo estudar o impacto da internet e das novas tecnologias digitais entre a Produção Musical, a Industria Discográfica e os Modelos de Distribuição. Vivemos num tempo em que a tecnologia e a internet fazem parte da nossa vida e como tal muitas vezes podem influenciar as nossas escolhas. Numa primeira análise, as tecnologias aparentam facilitar o processo criativo dos artistas, mas é importante perceber-se de que forma as mesmas tornam este processo mais autónomo e independente dos players tradicionais da Indústria da Música e/ou Arte.

 Créditos: Nelson D'Aires (VPC 2016)

 

Nos últimos anos, Portugal tem assistido a uma vaga de nova música (ou artistas) que não encontra qualquer paralelo em nenhuma outra época da nossa história, sendo que a qualidade e a estética se assemelham ao que se faz no resto da Europa.

Algumas conclusões, tiradas deste estudo são que com a evolução das tecnologias e a aplicação das mesmas no quotidiano da música, assiste-se a uma profunda alteração nos comportamentos começando nos músicos, que se tornam mais autónomos e mais participativos em todas as fases de concepção do seu próprio trabalho, mas que apesar desta autonomia o artista ainda não tem domínio total dos canais de promoção e distribuição do seu produto, não sabendo "comercializar-se".

 

Palavras-Chave: Internet, Novas Tecnologias, Música Portuguesa, Processo Criativo.

 

Valente, C.(2014). O Impacto da Internet e das Novas Tecnologias na Criação e Produção Musical Portuguesa. Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa

 

*artigo original disponível aos associados (todas as modalidades)

 

Please reload

Notícias em destaque

Iberian Festival Awards 2020 | Candidaturas terminam amanhã. Saiba a que categorias se pode submeter

November 21, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo
Please reload