Novos mecanismos de prevenção na Passagem do ano - proteção do público feminino e terrorismo

A passagem de ano é, talvez, o evento comemorativo mais global e transversal do planeta. Seja qual for o país ou a cidade, existem sempre formas de dar música ao público perante a celebração e o fogo-de-artifício de se ver a entrada num novo ano, existindo um elevado risco associado em virtude de serem normalmente atividades de entrada livre.


A principal novidade do que se passou na entrada de 2018 prendeu-se com a Segurança, em dois vetores de preveção: atos de terrorismo e proteção do público feminino.