O mundo encaixa-se no Festival Med, pela 13ª vez

29/06/2017

Começa hoje a 13ª edição do Festival Med, em Loulé, um evento que vai crescendo ano após ano e em que a música é o cariz central do festival. A zona histórica da cidade fica preparada para receber o seu público e lá existirão muitas outras razões para ir até domingo.

 

Este é hoje um dos mais importantes festivais de verão do país, distinguido na última edição dos  Iberian Festival Awards, pelo Turismo de Portugal e com o Sê-lo Verde.

 

São muitos as áreas que enriquecem a oferta programática do festival: Música (55 concertos espalhados por 9 palcos, onde atuarão: Ana Moura, BNegão, Boogat, Mayra Andrade e muitos outros. O Fado e a música clássico terão um palco próprio), Cinema, Conferências (momento organizado, novamente pela Aporfest em simultâneo com a organização do festival, decorre na sala polivalente da Alcaidaria do Castelo, no dia 30 de junho, pelas 19h30, a Conferência “A importância da Comunicação Social para a projeção e credibilização dos festivais de música”. Este debate contará com a presença do diretor da Revista Blitz, Miguel Cadete, bem como dos jornalistas Pedro Primo Figueiredo, da Agência Lusa, e Pedro Esteves, do Observador, além de um artista que atuará no MED), Gastronomia, Artesanato (com sessões de concepção de produtos ao vivo), Literatura, Animação de rua, Artes Plásticas, Exposições (de onde se destaca o trabalho de Vítor Pina com a visão das gentes de Loulé e do escultor Laranjeira Santos, com o trabalho sobre o corpo da mulher), Mercado (um dos locais de maior passagem de público e onde os seus habituais vendedores estarão a dar a conhecer os produtos locais da região assim como os parceiros envolvidos nesta edição do festival), e muitas outras surpresas que assentam numa fusão e integração cultural e na partilha do melhor das culturas e raízes espalhadas pelo mundo.

 

Serão mais de 75 horas de música, durante quatro dias com diferentes atividades localizadas na sua zona histórica mas que se multiplicarão por outros locais da cidade - muitas deixarão legado e terão continuação mesmo após o festival.

 

 

Todas as informações e programação completa poderão ser consultadas em: www.festivalmed.pt e página de facebook oficial do mesmo.

 

Os bilhetes, para as áreas principais, estão à venda em www.bol.pt e nos locais habituais, existindo entrada livre nas restantes.

 

 

 

Please reload

Notícias em destaque

#apoiaeprotegeacultura | Angariação de Fundos

June 29, 2020

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo