10 Ativações de marca no Rock in rio Lisboa 2016

25/05/2016

 

Começou, no dia 19 de Maio, mais uma edição do Rock in Rio Lisboa, que celebra o seu 30º aniversário. Considerado pela organização um projecto de comunicação, o Rock in Rio torna-se uma plataforma ideal de divulgação e promoção das marcas que se associam ao evento, resultando na presença de inúmeras ativações de marca no recinto do festival, que apostam cada vez mais em surpreender o seu público e torná-los parte integrante destas acções.

 

Em regra geral é notório um esforço em tornar as ativações de marca cativantes e que envolvam ao máximo o público alvo que a marca quer e pretende atingir. Que enormes diferenças existem desde 2004, a 1ª edição do festival em Lisboa, e que alterou o paradigma destas ações nos festivais portugueses.

 

O resultado desse esforço reflete-se na originalidade e diferenciação das várias ativações, que acabam por melhorar a experiência de cada festivaleiro no evento. Na verdade, algumas ativações de marca são consideradas e entendidas como extensão do programa do festival, preenchendo os “tempos mortos” entre os principais concertos, não entrando em choque umas com as outras, o que revela estratégia coletiva de trabalho entre o promotor e os responsáveis de cada uma das marcas.

 

 

Destacamos aqui 10 ativações de marca presentes no festival:

 

 

1) EDP

A marca está presente com uma ativação semelhante a edições anteriores (neste e outros festivais), incluindo os seus famosos “sticks” coloridos. No stand é proposto que os festivaleiros conheçam o sistema EDP Re.dy, que personalizem capas de telemóvel e sacos e que mostrem, também, os seus dotes para a dança.

 

 

2) Somersby

A marca está presente com uma ação localizada nas Somersby! Pool Parties que se realizam todos os dias a partir das 17h e até ao por-do-sol, junto da tenda eletrónica e conta com: dj sets, acesso exclusivo a piscina (com nadadores salvadores), a presença bem humorada do Lord Somersby e a bebidas da marca.

 

 

3) Continente

O Continente, através da atividade "Karaoke Battle", desafia os festivaleiros a confrontarem-se com interpretações de músicas dos seus artistas favoritos do Rock in Rio. Para além das sessões de karaoke, conduzidas por um "Mestre de Cerimónias", o Continente tem também um stand da com acesso exclusivo com: dj, bar aberto e provas de produtos Continente. A marca oferece ainda brindes pelo recinto ao público, nomeadamente através de "mãos de borracha" para este poder sentir-se mais "rocker" enquanto usufrui de um concerto. 

 

 

4) Vodafone

A ativação de marca da Vodafone é simples mas eficaz. A oferta de sofás insufláveis (algo que ocorre desde a 1ª edição, em 2014), na "Fábrica dos Sofás", acabam por dominar todo o espaço do festival. Para além de útil e confortável (como prova disso, são as filas para levantar o brinde durante todo o horário), esta ativação de marca acaba por criar bastante impacto visual. A somar a isso, o prémio para o tempo de espera é uma descida num escorrega virado para o Palco Mundo.

 

 

5) Yorn

A ativação de marca da Yorn, com a designação "Bundalicious", é uma das primeiras a ser experienciada assim que se chega ao recinto devido à sua localização. Num stand (semelhante à edição de 2014) colorido, cheio de música e energia, a marca desafia os festivaleiros a dançar e oferecendo brindes (como, por exemplo, fitas desportivas para o cabelo). 

 

 

6) Pepsi

A marca de bebidas, presente desde 2004 no Rock in Rio Lisboa, aposta na publicidade e ativação do produto "Pepsi Max" que consiste na oferta de produto a cada hora do festival durante 10 minutos - um verdadeiro refill. A sirene marca o início destes "happy minuts" e os festivaleiros podem, durante esse tempo, beber e partilhar a Pepsi quiserem.

 

 

7) Samsung

A Samsung, tem uma presença constante em vários espaços do recinto - e.g. ecrãs em vários stands de outras marcas. Foi uma das ativações mais publicitadas antes do início do festival e por isso mais esperadas pelo público. No seu stand, o maior alguma vez construído para ativação num festival (com uma estrutura própria), os festivaleiros podem usar óculos de realidade virtual (Gear VR) para simular o salto de bungee jumping enquanto estão suspensos no ar presos por um arnés. É, também, proposto aos festivaleiros que sejam super-heróis por um dia e que tirem uma foto 360º para o comprovar. A experiência implica entrar na pele dos personagens, escolher um dos fatos disponíveis e deitar-se em acrílico decorado com vários cenários disponíveis.

 

 

8) Fidelidade

Com o mote “A vida não pára”, no stand da Fidelidade, os festivaleiros podem pedalar para tentar ganhar acesso VIP neste stand ou experimentar andar num Hoverboard, com ou sem ajuda de promotores, mas com atenção ao tempo despendido para ser realizado um circuito definido.

 

 

9) Sociedade Ponto Verde

A Sociedade Ponto Verde está presente no Rock in Rio com o movimento #faceforgreen. Esta ativação consiste em realizar pinturas "tribais" a verde (que se tornam fluorescentes/luminosas no escuro) e tirarem fotos com hastag #faceforgreen em género de apelo por festivais mais ecológicos. Uma das ativações mais simples, totalmente adaptada à estratégia da marca, e que conseguiu ter uma grande taxa de adesão pelo seu público.

 

 

10) Oriflame

A marca está presente com um espaço na Rock Street do evento. Foi aqui que apresentou o seu novo catálogo (com a presença de Rita Pereira e Roberta Medina). Para além desta apresentação, a Oriflame oferece sessões de Maquilhagem e produtos através de um jogo em formato Slot Machine.

Please reload

Notícias em destaque

TALKFEST'20 | Quarta vaga de oradores; Falta uma semana para o fim das candidaturas aos Iberian Festival Awards

November 13, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes
Please reload

Arquivo